Últimas
Produtor da notícia

Secretário da CASA-CE reconhece resultado das eleições como vontade expressa do povo

04 de Setembro de 2012, 11:53

O secretário provincial do Kwanza Norte da Convergência Ampla de Salvação de Angola (CASA-CE), António Francisco Hebo, reconheceu terça-feira, em Ndalatando, os resultados provisórios das eleições gerais que dão uma larga vantagem ao MPLA, como sendo uma vontade expressa do povo.

 

Em declarações à Angop, António Hebo afirmou que os resultados, até ao momento alcançados pelo MPLA, não estavam nas perspectivas da coligação, que se mostra disposta a aceitar os resultados do pleito eleitoral.

 

Segundo o mesmo, a coligação CASA-CE trabalhou para vencer as eleições gerais de 2012, mas a vontade do eleitorado ditou o contrário, realidade que os seus militantes deverão aceitar com naturalidade.

 

Em relação ao Kwanza Norte, onde exerce as funções de secretário provincial, António Hebo disse que os resultados não reflectem o trabalho que o seu partido desenvolveu na região, embora tenha referido que a sua formação política não teve a oportunidade de supervisionar as eleições a cem porcento.

 

Enalteceu a forma ordeira e cívica como os cidadãos afluíram às assembleias de voto, tendo demonstrado ao mundo que em Angola existe maturidade política e democrática.

 

O político manifestou-se, por outro lado, regozijado pelo facto de o seu partido, embora novo no quadrante político angolano, ser até agora, o terceiro mais votado a nível do círculo eleitoral nacional.

 

No geral, até à última comunicação da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), depois de terem sido escrutinadas 24.691 Mesas (97,37 %) o MPLA detinha 4.054.109 de votos(71,82%), em primeiro lugar, e a CASA-CE 342.617 (6,06%) em terceiro lugar. A UNITA aparece na segunda posição com 1.055.592 de votos (18,70%).

Banca de jornais

Rádios Online
Angola vai a votos
Saiba onde votar